Make your own free website on Tripod.com
DESEJO | SILÊNCIO | PARA UMA PESSOA ESPECIAL... | FOLHAS PERDIDAS | PARA ALGUÉM | AMOR... | DEVE TER SIDO AMOR... | POEMA SEM NOME... | DA NUVEM DO ESQUECIMENTO ÀS AREIAS DO TEMPO... | SOMENTE VOCÊ | À MINHA AMIGA | ROSAS DE AMOR... | QUANDO AS PALAVRAS SE PERDEM | ESPERANDO... | ABANDONO | SE ERRAR É HUMANO, AMAR É DIVINO... | RECOMEÇAR | UM POUCO MAIS DE CONSIDERAÇÃO | A ARTE DE SER FELIZ | O MUNDO É GRANDE | A FALTA QUE AMA | Palavras ao Vento... | Agradecimentos | Quem sou eu? | Meus Amigos (Links Legais!) | Livro de Visitas | Fale comigo! | Título da nova página

Home

Prosa em Verso
POEMA SEM NOME...

Junto à minha memória você sempre estará,
É a minha partida, com saudades eu irei ficar,
Sinto que o presente debocha e o passado está rindo,
Saudade por quê? O seu futuro já está vindo,
Iria eu querer que o meu passado voltasse,
Cada presente que passa, pelo menos repassasse,
Ao futuro, pediria apenas para que me esperasse...

Raiou um novo dia no horizonte de minha vida,
Um sorriso sincero recebo nesta triste despedida,
Brilha uma nova luz no meu triste coração,
Iluminando meu viver, aparece-me dando a mão,
Melhores dias já vêm, os dias tristes passarão...

Depois de escrever meus poemas, devo-me partir,
Ir embora eu vou, mas não queria me despedir,
Até a minha volta! E eu ainda vou lhe encontrar,
Sua vida continua, mas a minha vida irá mudar...

Agora, meu amor partiu, canto uma nova canção,
Nessa vida, a minha melhor amiga é a solidão,
Diria em versos tudo o que eu sinto, só há saudade,
Relembraria o passado, principalmente nossa amizade,
Até o último dia, à nossa amizade, fiel vou sempre ser,
Depois digo que a saudade aperta, nunca vou te esquecer,
Esse é um poema especial, feito somente para você...

Tatiana Monteiro Costa